BLOG DOS FORASTEIROS: * Blog Principal

Chasques

  • PARA RECEBER AS ATUALIZAÇÕES DESTE BLOG, SEJA UM SEGUIDOR SE INSCREVENDO NO FINAL DA COLUNA À DIREITA, NA TAG SEGUIDORES. A URL DESTE BLOG É http://forasteirossapucaia1.blogspot.com.br

terça-feira, 19 de abril de 2011

Hino Riograndense, com letra e música do hino original.

O Hino Riograndense têm algumas curiosidades. Entre elas, uma estrofe retirada do original na década de 60 e que o tranformou no que é hoje, e a história da sua origem, que envolveria prisioneiros dos farroupilhas na sua criação e elaboração. Leia no final desta postagem.
Quanto ao hino, encontrei este vídeo com ele cantado completo, inclusive a estrofe retirada em 1966.



Letra do Hino Riograndense, com a estrofe retirada em 1966.

Como aurora precursora
Do farol da divindade
Foi o vinte de setembro
O precursor da liberdade

Refrão
Mostremos valor constância
Nesta ímpia injusta guerra
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda terra
De modelo a toda terra
Sirvam nossas façanhas
De modelo a toda terra

“Que entre nós, reviva Atenas
para assombro dos tiranos
Sejamos gregos na glória
e na virtude, romanos”


Mas não basta pra ser livre
Ser forte, aguerrido e bravo
Povo que não tem virtude
Acaba por ser escravo

A história do Hino

Conta a história...,
"que em 1838, na Batalha do Barro Vermelho, em Rio Pardo (RS), durante a Guerra dos Farrapos, os rebeldes cercaram os soldados leais ao Império e prenderam o maestro Joaquim José de Mendanha e os músicos da banda do 2º Batalhão de Fuzileiros Imperial. Foi assim, que um maestro mineiro, monarquista, mulato, prisioneiro, foi obrigado a compor uma música para o Hino da República Rio-Grandense.

Alguns anos depois, o maestro foi acusado de plagiar uma valsa de Strauss e a letra teve três versões, sempre contestadas; a que prevaleceu foi de um poeta popular conhecido como Chiquinho da Vovó.

Foi num salão de baile de Rio Pardo, diz o diretor de documentário apresentado pela RBS TV, Rene Goya Filho, que o hino foi apresentado pela primeira vez. Por isso, levaram um grupo de músicos para apresentar, no mesmo local em que o Hino Rio-Grandense foi executado pela primeira vez, a versão considerada como original". Fonte: www.previdi.com.br

Nenhum comentário: